TRANSMISSÃO AO VIVO

cultoaovivo2

Cultos gravados

cultos-gravados

BUSCA


Como chegar a PIBN

Digite o seu endereço.
Endereco:
Cidade:
Estado:
CEP:

Acompanhe a PIBN

Boletim Dominical

atividadespibn

PEDIDO DE ORAÇÃO

FAÇA AQUI O SEU PEDIDO DE ORAÇÃO ON LINE

Nome:

Telefone para contato:

E-mail:

Seu pedido:
 

Climatempo

Principal Editoriais Uma EBD forte
Uma EBD forte PDF Imprimir E-mail
Temos na história de nossas igrejas batistas uma das mais importantes organizações na área da educação cristã, a Escola Bíblica Dominical. É tão antiga quanto atual. Ela surgiu na década de 1780 na cidade de Gloucester, Inglaterra, sob a liderança de Robert Rikes. A importância da EBD naquela cidade foi tanta que em 1784, já com 250 mil alunos matriculados, provocou uma redução na taxa de criminalidade daquele local. Tivemos a oportunidade de visitar aquela cidade em 2011. Foi emocionante ver o quanto a Escola Bíblica Dominical fez pelo povo Inglês. Infelizmente, a casa que hospedou por muitos anos a EBD, tornou-se um pub. Pode-se ainda ver fixados em suas paredes o retrato daquele pastor-educador e de vários que participaram da EBD em sua época.

Pela graça de Deus, a EBD não parou. Saiu na Inglaterra para o mundo. Chegou até nós. No Brasil, a história nos mostra que a primeira EBD foi criada em 1855 com os missionários escoceses Robert Kalley e sua esposa Dna. Sarah Poulton Kalley na cidade de Petrópolis - RJ. Esses precursores da EBD construíram uma Escola forte. Por isso, ela não morreu. Não foi fechada. Continua ajudando no crescimento espiritual dos crentes em Cristo Jesus.

O que uma Escola Bíblica Dominical realmente forte precisa?

1) Uma Escola Bíblica Dominical forte precisa de um ensino centrado na Bíblia Os professores de uma EBD forte são aqueles que se preocupam em ensinar a Bíblia com fidelidade e eficácia. Para isso, eles demonstram ter meditado na Palavra e se dedicado ao ministério do ensino sob a orientação e poder do Espírito Santo. Dessa forma, irão ajudar seus alunos a experimentarem uma mudança radical em seu estilo de vida ou, mais que isso, a terem sua vida transformada pelo poder da Palavra.

2) Uma Escola Bíblica Dominical forte precisa de professores fiéis à direção da Igreja

O pastor Ken Hemphill, ex-presidente do Seminário Teológico Batista do Sudoeste dos Estados Unidos, escreveu sobre a Escola Bíblica Dominical externando sua preocupação com os professores que não seguem a missão e a visão da igreja e nem acatam a orientação de seu pastor. Esse especialista em EBD chega a afirmar que "o professor não deve usar a sala de aula para promover uma revolta contra a direção da igreja" e nem ensinar algo que seja contrário à Bíblia, como o caso de um professor de sua igreja, que "admitiu abertamente que não dava o dízimo e, portanto, não gostava de ensinar sobre questões de dinheiro" (Redescobrindo a alegria das manhãs de domingo: usando a Escola Dominical para fazer sua igreja crescer. São Paulo: Eclesia, 1997, p. 258). Como vemos, esse professor não foi fiel à direção da Igreja.

3) Uma Escola Bíblica Dominical forte precisa de professores que dêem bom testemunho do Evangelho.

Esse é um dos grandes desafios que encontramos hoje em dia. O professor da EBD não será bem sucedido se não viver o que ensina. Como poderá dar testemunho do Evangelho se não tiver um relacionamento pessoal com Cristo? Como ensinar se a vida fora da igreja não condiz com o que os ensinos da Palavra? Só poderemos ter uma EBD forte se cada professor acatar o que Paulo diz a Timóteo: "Convém também que tenha bom testemunho dos que estão de fora, para que não caia em afronta, e no laço do diabo" (1 Tm 3.7).

Que a nossa EBD seja a cada dia fortalecida pelo poder do Espírito de Deus!

Para tanto, Deus nos abençoe.

Seu pastor e amigo,
J. Laurindo

 

Aliança Batista Mundial Convenção Batista Brasileira JMM JMN UFMBB UHBB JUMOC CBF STBN