TRANSMISSÃO AO VIVO

cultoaovivo2

Cultos gravados

cultos-gravados

BUSCA


Como chegar a PIBN

Digite o seu endereço.
Endereco:
Cidade:
Estado:
CEP:

Acompanhe a PIBN

Boletim Dominical

atividadespibn

PEDIDO DE ORAÇÃO

FAÇA AQUI O SEU PEDIDO DE ORAÇÃO ON LINE

Nome:

Telefone para contato:

E-mail:

Seu pedido:
 

Climatempo

Principal Editoriais O "EU SOU" liberta
O "EU SOU" liberta PDF Imprimir E-mail

Sob o tema “Pare e viva!”, Carmen Lígia, nossa missionária na Colômbia, traz um importante depoimento, mostrando como uma pessoa pode ter a vida transformada pelo poder do Eu Sou. Ela relata:

“Luis tem 58 anos de idade, dos quais 34 passou morando nas ruas, ingeriu muito álcool e se envolveu com outras drogas. A mãe dele, hoje com mais de 80 anos, orou todos os dias em que o filho passou fora de casa, longe da família e de Deus. Cada vez que Luis passava em casa era para roubar e comprar mais drogas. Essa vida o colocava cada vez mais em um abismo que o afastava do Senhor. Até que um dia ele quase morreu. O próprio Luis conta que estava na rua e começaram a bater nele, jogaram gasolina e atearam fogo. Ele viu o fogo vindo e não se lembra ou entende como não se queimou. Isso ficou em sua mente e coração.

Certa vez, um amigo de Luis, que já passou pelo Programa de Ajuda, Reabilitação e Esperança (PARE) e que se chama William, falou com ele sobre esse projeto. William levou o Luis até o PARE, e logo Luis começou a frequentar a pré-internação e os cultos. Finalmente ele foi internado e começou o processo de deixar as drogas, deixar o álcool. Eu me lembro como se fosse hoje de um dia que Luis fez um exame de sangue para ver como estava o nível de álcool. Ele voltou, olhou para mim com um sorriso enorme e disse: “Este é o meu exame”. Estava lá: “Álcool: zero”. Depois de mais de 30 anos tomando álcool, essa foi a vitória do Luis. O Senhor transformou a vida dele, que hoje é um homem de Deus preparando para voltar para casa, conseguir um trabalho, ser reabilitado”.

Do outro lado do mundo, lá da Guiné-Bissau, temos o testemunho de nossa missionária Renata Santos, falando como o Eu Sou liberta uma pessoa da opressão. Sob o título “Verdade que liberta da opressão”, ela relata:

“Produzir um programa de televisão, como o seriado 'Caminho de Volta', em Guiné-Bissau, demanda muito tempo e trabalho. Já fiquei 72 horas sem dormir para entregar episódios que iriam ao ar nos dias seguintes. E por causa disso, várias vezes não conseguia interagir com as pessoas que mandavam mensagens pela internet. Um dia, eu estava tão atarefada com um prazo muito apertado, e uma menina começou a mandar mensagem desde cedo – eu não a conheço –, mas o trabalho não permitia responder naquela hora. À noite, vi o celular e havia muitas mensagens dela, e mesmo ainda trabalhando, parei para responder. Ela escreveu: “Estou precisando da sua ajuda. Quero um conselho”. Parecia desesperada.Aí eu pensei: “Deve ser de alguma igreja, sabe que sou missionária e me pede ajuda”. Foi então que respondi: “Tudo bem, você é de que igreja?”. Ela disse: “Não, sou muçulmana”. Na mesma hora, parei tudo e foquei no problema dela. Ela começou a dizer que se sentia muito oprimida, “possuída por espíritos malignos”.

Comecei então a falar sobre verdades bíblicas com ela, sobre o poder de ser feito filho de Deus, crer em Jesus com o coração. Viramos a noite, ensinei a fazer a oração de entrega, e foi uma batalha espiritual tão grande que ficou tão intensa que senti meu corpo cansado a ponto de eu apagar na minha cama. Quando acordei, havia uma mensagem dela: “Serei eternamente grata a você. Se alguma coisa me atormenta, eu digo para sair em nome de Jesus”. (Fonte: , 2018, p. 11).

Que o Eu Sou nos ajude, a fim de que contribuamos com a obra de missões, para que vejamos outros testemunhos de pessoas sendo libertas dos vícios e da opressão pela Verdade do Evangelho.

Seu pastor e amigo,
J. Laurindo

 

 

 

 

 

 

 

Aliança Batista Mundial Convenção Batista Brasileira JMM JMN UFMBB UHBB JUMOC CBF STBN