TRANSMISSÃO AO VIVO

cultoaovivo2

Cultos gravados

cultos-gravados

Como chegar a PIBN

Digite o seu endereço.
Endereco:
Cidade:
Estado:
CEP:

Acompanhe a PIBN

Boletim Dominical

atividadespibn

PEDIDO DE ORAÇÃO

FAÇA AQUI O SEU PEDIDO DE ORAÇÃO ON LINE

Nome:

Telefone para contato:

E-mail:

Seu pedido:
 

Climatempo

Principal
Tempos de incredulidade PDF Imprimir E-mail

Ser movido pela graça de Deus em tempos de incredulidade é um dos maiores desafios que qualquer cristão enfrenta. Não é fácil, não é tão simples assim. Algumas decisões são necessárias:

Em primeiro lugar, ser movidos pela graça de Deus em tempos de incredulidade, requer a reafirmação de nossa confiança na Bíblia Sagrada que ensina que a graça é dom de Deus. Não chegamos a ela por merecimento algum. Não a alcançamos através de boas obras, através de sabedoria humana, ou de qualquer arranjo de nossa parte. A graça é presente, é dádiva de Deus. Por isso, podemos ser movidos por ela.

Em segundo lugar, quando falamos de ser movidos pela graça de Deus, não nos referimos à graça barata que na linguagem de Bonhoeffer é a graça sem arrependimento, a graça sem confissão de pecados, a graça sem discipulado, a graça sem aceitação do sacrifício de Cristo na cruz do calvário (ver Discipulado, p. 10). O que vale, para que sejamos movidos pela graça de Deus, é a graça preciosa. Essa, declara Bonhoeffer: “é a graça como santuário de Deus, que tem que ser preservado do mundo, não lançado aos cães; e por isso é graça como palavra viva, a Palavra de Deus que ele próprio pronuncia com seu beneplácito” (Ibid, p. 11).

Em terceiro lugar, ser movidos pela graça de Deus em tempos de incredulidade exige fé. E fé depositada no Salvador. É a fé que qualquer um que passa a crer em Cristo como Salvador pode obter. Ela é a ferramenta que temos em mãos para vencer o mundo, como declara João: “Porque todo o que é nascido de Deus vence o mundo; e esta é a vitória que vence o mundo, a nossa fé” (1 João 5.4).

Em quarto lugar, ser movidos pela graça de Deus em tempos de incredulidade nos ajuda a vencer o mal. Rice Brooks mostra que a graça “é o resultado do Espírito de Deus agindo no coração humano e nos capacitando a vencer o mal”. (Deus não está morto. Rio de Janeiro: Thomas Nelson Brasil, 2014, p. 178). Que bom que pela graça de Deus vencemos tanto o mundo quanto o mal! Só assim podemos ser movidos por ela no meio de tanta incredulidade.

Que o Senhor nos ajude a fim de que possamos ser movidos por Sua maravilhosa graça nesses tempos tão difíceis e de tanta necessidade da graça salvadora de Cristo Jesus!

Que possamos aplicar esses princípios sagrados no cotidiano de nossas vidas!

Seu pastor e amigo,
J. Laurindo

 

Aliança Batista Mundial Convenção Batista Brasileira JMM JMN UFMBB UHBB JUMOC CBF STBN