TRANSMISSÃO AO VIVO

cultoaovivo2

Cultos gravados

cultos-gravados

Como chegar a PIBN

Digite o seu endereço.
Endereco:
Cidade:
Estado:
CEP:

Acompanhe a PIBN

Boletim Dominical

atividadespibn

PEDIDO DE ORAÇÃO

FAÇA AQUI O SEU PEDIDO DE ORAÇÃO ON LINE

Nome:

Telefone para contato:

E-mail:

Seu pedido:
 

Climatempo

Principal
Fé em Cristo PDF Imprimir E-mail
Diante de uma sociedade tão materialista que vivemos, será que damos a devida importância à fé em Cristo? Para alguns, talvez seja desnecessário falar de fé, uma vez que seus olhares estão fixados somente nas coisas materiais. Outros, porque talvez não tenham recebido de seus pais qualquer ensinamento relacionado à fé em Cristo, como foi o caso de Timóteo, conforme apresentado na Bíblia: “Trazendo à memória a fé não fingida que em ti há, a qual habitou primeiro em tua avó Lóide, e em tua mãe Eunice, e estou certo de que também habita em ti” (2 Timóteo 1.5).

Essa história de Timóteo nos mostra como é importante valorizar a fé que recebemos de nossos pais. Para Billy Graham, a fé em Cristo é um dos maiores legados que um pai pode deixar para os seus filhos e netos. Mas, por quê? Billy Graham responde: “Porque a lembrança de quem nós éramos – e não apenas a nossa personalidade, mas nosso caráter e nossa fé – tem a capacidade de influenciar os outros na direção de Cristo” (A caminho de casa: vida, fé e como terminar bem, p. 124). Infelizmente, um,a boa parte da sociedade não dá valor a esse legado devido à incredulidade presente no coração das pessoas. No lugar da fé em Cristo, a sociedade passou a dar valor ao ateísmo, ou seja, a uma completa descrença em Deus, e ao materialismo, desprezando por completo a bela herança da fé em Cristo.

A importância da fé em Cristo tem sido, também, desprezada por alguns cientistas. Um deles, que conta com várias de suas obras traduzidas para o nosso vernáculo, Richard Dawkins, diz: “... é preciso levar em conta que a fé é um dos grandes males do mundo, comparável ao vírus da varíola, mais difícil de erradicar. A fé, sendo uma crença não baseada em evidências, é o principal vício de qualquer religião” (In McGRATH, A. O Deus de Dawkins, pp. 107-108). Dawkins, então, não dá nenhum valor à fé, uma vez que a compara com um dos elementos mais tristes que uma pessoa possa ter, ou seja, um vício. E, isso não faz bem. Só prejudica, pois, quem poderia ser salvo por um mal do mundo, por um vírus, ou por um vício? Estes, quando entram em nossa vida, trazem grandes prejuízos para a nossa saúde, ao passo que, quando temos fé, passamos a desfrutar da vida abundante dada por Cristo. Assim sendo, o conceito de fé apresentado por Dawkins é completamente diferente do conceito de fé da Bíblia, isso porque a fé que encontramos na Bíblia sempre dá salvação e não perdição. Jesus Cristo, ao curar aquelas pessoas que depositaram sua fé nEle, disse-lhes: “A tua fé te salvou; vai-te em paz” (Lucas 7.50).

Que possamos dar importância à fé em Cristo, pois, com ela, podemos agradar ao Senhor!

Para tanto, que Ele nos abençoe.

Seu pastor e amigo,
J. Laurindo

 

Aliança Batista Mundial Convenção Batista Brasileira JMM JMN UFMBB UHBB JUMOC CBF STBN