TRANSMISSÃO AO VIVO

cultoaovivo2

Cultos gravados

cultos-gravados

Como chegar a PIBN

Digite o seu endereço.
Endereco:
Cidade:
Estado:
CEP:

Acompanhe a PIBN

Boletim Dominical

atividadespibn

PEDIDO DE ORAÇÃO

FAÇA AQUI O SEU PEDIDO DE ORAÇÃO ON LINE

Nome:

Telefone para contato:

E-mail:

Seu pedido:
 

Climatempo

Principal
Profissão e vocação PDF Imprimir E-mail

É a segunda vez que participo do projeto Saúde +, no barco O missionário na Amazônia. Aliás, se você ainda não participou, eu recomendo muito a viagem para conhecer in loco tal projeto. É uma experiência muito especial.

Desta vez, a equipe estava composta por 8 dentistas, 1 fisioterapeuta, 1 psicóloga e apenas eu de médico. A viagem aconteceu do dia 05 a 10 de janeiro, tivemos a oportunidade de trabalhar em 4 comunidades ribeirinhas.

Já tive a oportunidade de visitar a Amazônia brasileira em várias ocasiões e sempre me impressionou a sua magnitude e imponência; um verdadeiro Golias. Desta vez não foi diferente. Sou médico há pouco mais de 14 anos, especialista em medicina intensiva e infectologia.

Dentro da área de emergências médicas, o assunto que mais me fascina é a Parada Cardiorrespiratória (PCR), situação de morte iminente na qual literalmente o coração para de bater. Trabalho com treinamento, especificamente voltado para esta situação há 13 anos, chamado de Ressuscitação Cardiopulmonar. Desta vez, levei um aparelho chamado DEA (desfibrilador externo automático), usado em situações de parada cardiorrespiratória para chocar o paciente. Provavelmente, você já deve ter visto algum dispositivo parecido em algum filme ou serie de TV para chocar o paciente em uma emergência para que o coração volte a bater.

Tendo isto em vista, gostaria de compartilhar uma grande experiência vivenciada neste último projeto. Estávamos em umas das comunidades ribeirinhas, inclusive, cabe destacar que era a única que visitamos na qual havia um posto de saúde e era possível sair para uma cidade próxima de carro. Por volta de 11 horas da manhã, atendi um senhor claramente com queixas compatíveis e típica de um infarto cardíaco. Estava atendendo ao lado do posto de saúde, e nossa equipe imediatamente o acionou para levar o paciente para o hospital mais próximo. A equipe de saúde da comunidade foi muito prestativa e rapidamente providenciou uma ambulância para transporte do paciente.

Infelizmente, o paciente desmaiou antes mesmo de entrar no veiculo, bem ao seu lado. Neste momento ele ainda respirava, porém em situação grave. Imediatamente pegamos o desfibrilador e segui com o paciente juntamente com sua esposa na ambulância. Neste trajeto, o paciente evoluiu com 3 paradas cardíacas necessitando de 3 choques. Os recursos eram escassos, basicamente apenas o DEA.

Conseguimos chegar ao hospital próximo após 25 minutos. Neste hospital encontrei uma equipe maravilhosa de profissionais, muito dedicados e empenhados em fazer o melhor. Entretanto tal hospital não dispunha da infraestrutura adequada para este tipo de caso. Foi providenciado um barco rápido para transporte a um centro maior, localizado em outra cidade.

Enquanto aguardávamos, o paciente evoluiu com mais 3 episódios de parada cardíaca, recebendo novamente 3 choques com o DEA. No trajeto de barco enfrentamos bastante chuva que acabou atrasando um pouco. Demoramos cerca de 2 horas para chegar ao outro hospital. Neste percurso, foram mais 7 paradas cardíacas com mais 7 choques. Total de 13 vezes ao longo de 4 horas de atendimento. Conseguimos entregá-lo com vida e relativamente estável no outro hospital.

Durante o ocorrido, o que me veio a mente foi a história de Davi e Golias. As dificuldades são realmente enormes, sem precedentes. Tudo acaba sendo muito complicado dada a geografia do local. Como vencer esta gigante floresta chamada Amazônia?

Nesta semana recebi a feliz noticia que o paciente está bem, sem sequelas em um hospital de Manaus, recebeu alta da UTI e deve ir para casa em breve.

E assim mais uma vez, Davi venceu Golias... Agradeço muito a Deus pela oportunidade de ter participado do projeto, em especial por sua graça que transborda!’’

Cristiano Ribeiro
Médico Intensivista e Infectologista, Economista,
Mestre em Administração com ênfase em liderança

Ansioso pelo próximo projeto...

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Aliança Batista Mundial Convenção Batista Brasileira JMM JMN UFMBB UHBB JUMOC CBF STBN